21 de jun de 2012

JUNHO!!

Festa junina é uma dança típica do mês de junho e é muito legal! Tem cocada, caldos, canjica e muito +! Dançamos a quadrilha com o nosso par e nos divertimos muito!! A quadrilha da minha escola é dia 30 desse mês! Já arrumei até o vestido ideal! Bom, agora irei mostrar como são as festas juninas aki no Sudeste:

A região Sudeste vem o caipira com chapéu de palha, calça remendada, camisa xadrez e dente cariado, personagem nascido nas comemorações pelo interior de São Paulo e de Minas Gerais.

As festas juninas costumam ser muito animadas e, além da fogueira e da quadrilha, existe a tradicional queima de fogos de artifício, como bombinhas e rojões, para espantar o mau-olhado, e o lançamento de balões, que deveriam levar pedidos de graças para São João.

Outro item que não pode faltar é o pau-de-sebo, uma competição em que os participantes devem escalá-lo até o topo, onde ficam prendas ou dinheiro.

Consiste de um tronco de árvore com quatro metros ou mais de altura, todo coberto com sebo animal.

O grande desafio é atingir o seu topo e pegar as prendas lá colocadas.

O elemento chave das festas é a descontração e a alegria e cada região do Brasil apresenta suas particularidades. 


É possível perceber a importância de São João para seus devotos e para a Igreja quando nos damos conta de que a festa em homenagem aos santos de junho, que percorre os trinta dias do mês, foi denominada "Festa joanina" devido a São João.

O nome joanina teve origem, segundo alguns historiadores, nos países europeus católicos no século IV. Quando chegou ao Brasil foi modificado para junina. Trazida pelos portugueses, logo foi incorporada aos costumes dos povos indígenas e negros.

A influência brasileira na tradição a festa pode ser percebida na alimentação, quando foram introduzidos o aipim, o milho, o jenipapo, o leite de coco e também nos costumes, como o forró, o boi-bumbá, a quadrilha e o tambor-de-crioula. Mas não foi somente a influência brasileira que permaneceu nas comemorações juninas. Os franceses, por exemplo, acrescentaram à quadrilha, passos e marcações inspirados na dança da nobreza européia.

Junho é o mês de São João, Santo Antonio e São Pedro. Por isso, as festas que acontecem em todo o mês de junho foi chamada de "Festa Joanina", especialmente em homenagem a São João.

O nome joanina teve origem, segundo alguns historiadores, nos países europeus católicos no século IV. Quando chegou ao Brasil foi modificado para junina. Trazida pelos portugueses, logo foi incorporada aos costumes dos povos indígenas e negros.

A influência brasileira na tradição da festa pode ser percebida na alimentação, quando foram introduzidos o aimpim (mandioca), milho, jenipapo, o leite de coco e também nos costumes, como o forró, o boi-bumbá, a quadrilha e o tambor-de-crioula. Mas não foi somente a influência brasileira que permaneceu nas comemorações juninas. Os franceses, por exemplo, acrescentaram à quadrilha, passos e marcações inspirados na dança da nobreza européia.

Comidas típicas > * Arroz doce - sobremesa preparada com arroz, leite e açúcar, perfumada com casca de limão e canela.
* Bolo de milho - sozinho ele já é uma delícia, imagina então com uma cobertura de chocolate…
* Bolo de fubá – feito a base de fubá e algumas pitadas de erva-doce.
* Canjica - tem gente que gosta dela pura, bem branquinha. Outros preferem com canela. Na dúvida, fique com os dois!
* Cuzcuz de milho – feito com flocos de milho, coco ralado e leite de coco, fica irresistível.
* Doce de leite - o típico das festas juninas é feito no tabuleiro e cortado geometricamente. Mas, quem é que se importa com o formato?
* Milho verde – este não pode faltar numa festa junina!
* Paçoca - você sabia que existem dois tipos de paçoca? Há a paçoca doce, feita de amendoim e típica das festas de São João, e a paçoca salgada.
* Pamonha - para quem não sabe, a pamonha é uma espécie de bolo feito de milho, e pode ser doce ou salgada.
* Pé-de-moleque - feito de amendoim, o doce tem este nome porque parece um pé cascudo e escuro, como são os pés de moleques.
* Pipoca - pipoca não é só para a hora do cinema. A pipoca é típica das festas juninas. O nome vem do tupi “pi’poka”, que significa “estalando a pele”.
* Quentão – cachaça preparada com limão, gengibre, canela e açúcar.
* Vinho quente – vinho preparado com frutas canela e gengibre.

 
 

 
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Heey!! Se quiserem deixar o seu comentário, leia PLEASE aqui embaixo:

*Não xingue ninguém aqui! Seja educada(o)!
* Dúvidas, elogios e críticas são sempre bem-vindas!
* Leia toda a postagem, pois sempre faço com muito esforço e carinho pra vocês!
*Vou até o perfil de vocês para visitar e talvez até seguir o seu blog!

Obrigada por comentar!

Volte Sempre!